Expor e Elevar

Séc. XXI. 45 anos de democracia em Portugal, 43 de consagração constitucional do Princípio da Igualdade.

O que evoluímos? Muito.

O que falta fazer? Tanto.

Foram estas constatações, óbvias, que levaram à criação deste espaço de partilha, de liberdade, de opinião. Feito por mulheres; livres, no pensamento, e responsáveis, na ação.

Pensar que a efetivação dos direitos das mulheres, a tão almejada igualdade, se atinge por meras imposições legais e curriculares, ou a utilização de uma linguagem promotora e inclusiva, é branquear as questões de fundo e que estão a montante da desigualdade e da violência.

A violência está na moda, diz-se no documentário Dark Net – O Lado Obscuro da Rede. Enquanto as verdadeiras causas deste flagelo não forem combatidas, enquanto se continuar a propagar a agressão física, mais ostensiva, e a verbal, por vezes clara, outras tantas vezes, subtil, pelas redes e comunicação sociais, enquanto não forem garantidos o acesso à proteção e os direitos constitucional e legalmente consagrados, as posições de domínio continuarão, porque delas se servem o medo e o receio da perda de posição social lato sensu.

Valorizar as mulheres, o que fazem e o que sentem, é o propósito deste blog, através da publicação de artigos de opinião, entrevistas, trabalhos artísticos, divulgação de iniciativas e de notícias.

Porque a mulher tem um papel preponderante na educação para a igualdade e para a cidadania.

Porque a mulher deverá, acima de tudo, orgulhar-se do que pensa, do que faz e do que sente.

Sejam bem-vindos ao Expoente M.

Sónia Calvário