João Rocha

João-RochaJoão Manuel Rocha da Silva nasceu a 06 de novembro de 1950, em Perre (Viana do Castelo). Chegou a Serpa em 1976, onde se efetivou como professor da Escola Secundária.

Militante do PCP, foi eleito, em 1979, Presidente da Câmara Municipal de Serpa, cargo que exerceu durante 33 anos.

Em 2013 candidatou-se à Câmara Municipal de Beja onde fez um mandato enquanto presidente. Atualmente é vereador deste município.

O planeamento e a dinamização cultural, aliada ao património histórico, foram sempre as suas grandes apostas para o desenvolvimento dos municípios que presidiu. Foi assim que nasceu, há 40 anos, o reconhecido Cortejo Histórico e Etnográfico de Serpa, numa altura em que João Rocha integrava ainda, antes de eleito, a Comissão de Festas daquela localidade.

Em 2007, Serpa foi um dos cinco municípios portugueses a participar no Primeiro Encontro da Rede internacional de Municípios pela Cultura. Foi também nesse ano, que João Rocha foi agraciado com o “Prémio Autarca” da Rádio Clube – Jornal Metro, resultante da votação dos ouvintes desta emissora.

João Rocha foi um dos grandes impulsionares do Cante Alentejano a Património Imaterial da Humanidade. Foi o autarca, enquanto presidente da Câmara Municipal de Serpa, que iniciou o processo da candidatura à UNESCO. A elevação do Cante a Património Imaterial viria a concretizar-se em 2014.

Entre outros cargos que exerceu, enquanto eleito local, foi presidente do Conselho Regional do Alentejo e responsável pelo Movimento Alentejo pela Regionalização (MARD).